quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Etiquetas: , , , , ,

Baterias e Carregadores: Tudo o Que Precisam Saber


Usámos um carregador de um amigo e o nosso smartphone fritou... Comprámos um carregador para o isqueiro do carro mas é muito lento a carregar... Tentamos sempre descarregar a bateria totalmente "para não viciar"... Estes são problemas comuns com que nos deparamos se não soubermos alguma coisa sobre baterias e carregadores, mas está aqui a resposta aos vossos receios!

Hoje em dia a entrada micro-USB começa a ser cada vez mais universal para carregar telemóveis e tablets. Na era dos smartphones já não se ouve muita gente à procura de "um carregador Nokia dos fininhos", e qualquer cabo micro-USB serve para ligar a um grande número de marcas e modelos. O problema desta universalidade é que devemos ter cuidado com o carregador que usamos, porque encaixar não chega!


Para nos situarmos

Antes de mais nada, a maneira mais fácil de não ter problemas é usar apenas o carregador e o cabo que vieram de fábrica com o dispositivo. No entanto, o facto é que acabamos por querer comprar mais um carregador para o carro, ou para ter no trabalho, e aí muitas vezes acabamos por escolher marcas genéricas. Nestes casos é muito importante ter em mente o que é que o nosso smartphone ou tablet precisa para se "alimentar".

O mais fácil é olhar para as letras pequenas que vêm no carregador original, ou então fazer uma pequena pesquisa na internet para saber a tensão (Volts) e corrente (Amperes) do carregador original. Neste caso vemos um exemplo para o Samsung Galaxy S4:


Aqui podemos notar que o carregador vem do mesmo sítio que o Flappy Bird, mas devemos é olhar com atenção para a zona onde diz "OUTPUT", onde vemos que o carregador fornece ao dispositivo uma tensão de 5.0 Volts e disponibiliza uma corrente com intensidade de 2.0 Amperes. E o que quer isto dizer? Algumas perguntas surgem rapidamente na nossa cabeça quando estamos à procura de um carregador.

Posso usar um carregador com mais Volts para carregar mais depressa?

A resposta a esta pergunta é curta: NÃO!
A voltagem é a tensão da corrente eléctrica, análoga à pressão hidráulica na canalização lá de casa. Se a bomba de água fornece pouca pressão, a água pode nem chegar à nossa casa, por outro lado, se fornecermos pressão a mais, pode rebentar-nos um cano. Com carregadores é a mesma coisa: Volts a menos não vão ter efeito nenhum na bateria, Volts a mais podem fritar alguma coisa no nosso aparelho! Por esta razão devemos usar um carregador com exactamente a mesma voltagem do original.

Por sorte, todos os smartphones mais recentes usam carregadores USB, que adoptaram um sistema padronizado com cerca de 5.0 Volts. No entanto, sobretudo com smartphones ou carregadores mais antigos, não custa olhar para a voltagem antes de fazer asneira.

E se eu usar um carregador com mais Amperes? Posso fritar o meu telefone?

Nesse caso é diferente. A intensidade da corrente (medida em Amperes) é análoga ao fluxo de água nos nossos canos. Se eu tenho uma torneira fechada, o fluxo é zero, mas continuo a ter a pressão proveniente da bomba. O fluxo é fornecido quando eu peço, ou seja, se eu quero lavar as mãos abro ligeiramente a torneira, se eu quero lavar o carro, abro a torneira no máximo. Se eu não tiver pressão suficiente para lavar o carro mesmo com a torneira no máximo, é porque o máximo fluxo fornecido pela bomba não chega para lavar o carro como eu queria.

O mesmo se passa com os smartphones e tablets hoje em dia. Na realidade, o "carregador" que ligamos à corrente não é um carregador, é apenas uma fonte de alimentação que fornece uma tensão constante de 5.0 Volts. O carregador propriamente dito está incorporado no próprio dispositivo, e este tem mecanismos que regulam o fluxo de corrente que é usado. Ou seja, mesmo que eu tenha um "carregador" de 5.0 Volts a 4.0 Amperes, o meu telefone que precisa de 2.0 Amperes só abre a torneira para ir buscar 2.0 Amperes, ou seja, o "carregador" não trabalha no seu máximo potencial, mas o telefone tem o suficiente para carregar normalmente.

E se o carregador tiver menos Amperes?

Nesse caso, voltando à analogia da canalização, temos uma bomba de água insuficiente para lavar o carro como deve ser e vamos concerteza demorar mais tempo a lavar o carro, mas não quer dizer que ele não vá ficar lavado.

O que isto quer dizer é que o carregador existente dentro do telefone, que quer 2.0 Amperes, vai abrindo a torneira até ao máximo, até que vê que não dá para mais mas contenta-se com o que tem. O que acontece é que a taxa de carregamento da bateria vai ser abaixo do óptimo, logo vamos demorar mais tempo a atingir os 100%. De facto, as portas USB 2.0 que temos nos computadores fornecem um máximo de 0.5 Amperes, o que é muito pouco para um dispositivo que pede quatro vezes mais. Neste caso, se o dispositivo não estiver desligado pode nem carregar a bateria, porque a taxa a que ele está a gastar energia para se manter activo é maior do que a taxa a que está a receber energia do cabo USB. No caso das portas USB 3.0 (normalmente azuis), já conseguimos intensidades de 0.9 Amperes, o que serve para carregar rapidamente a maioria dos smartphones "normais" (que rondam 1.0 A).

Em suma, o ideal é utilizar um carregador com os mesmos Volts que o original e com os mesmos, ou mais, Amperes. Desta forma garantimos que a taxa de carregamento da bateria é optimizada e não corremos o risco de ter um dispositivo que apenas descarrega mais devagar quando ligado à corrente.

E depois de carregar? Devo deixar descarregar completamente para a bateria não viciar?

As baterias de iões de Lítio que são usadas nos telefones e tablets não sofrem do "efeito de memória" das baterias mais antigas, e não precisam de ciclos completos de carregamento. Na verdade, estas baterias não só não "viciam" como é até prejudicial deixar descarregar até aos 0%. De facto, se nunca deixarmos a bateria descer dos 20% conseguimos muitos mais ciclos de carregamento do que se fizermos ciclos completos, o que se traduz num aumento do tempo de vida da bateria. Da mesma forma, também é prejudicial carregar a bateria na sua totalidade. No entanto, para o limite máximo os próprios dispositivos já trazem mecanismos de defesa que cortam o fornecimento de energia antes da bateria estar "realmente" (quimicamente falando) nos 100%.

Concluíndo

1) Sempre que possam, usem os cabos e carregadores recomendados pela marca (em alguns casos há mecanismos implementados que nem permitem a utilização de outros carregadores).

2) Se utilizarem outro carregador, certifiquem-se que tem os mesmos Volts de output.

3) Se a intensidade (Amperes) do carregador for muito baixa, desliguem o dispositivo para optimizar a taxa de carregamento. Regra geral, os smartphones precisam de 1 A e os tablets de 2 A para uma taxa de carregamento normal.

4) Se precisam de utilizar o dispositivo intensivamente enquanto carregam (e.g. no carro, com GPS e bluetooth ligados), é obrigatório cumprir no mínimo o número de Amperes do carregador original, senão vão ter só um dispositivo a descarregar mais devagar.

5) Não usem carregadores e cabos de origem e/ou qualidade duvidosa (tipo "do chinês").

E é isto. Espero que estas informações tenham sido úteis! Se têm algum testemunho ou conselhos a dar relativamente à vossa experiência com baterias e carregadores, partilhem connosco nos comentários! Quero saber de explosões e incêndios e coisas assim!

58 comentários :

  1. Posso usar um carregador original e um cabo paralelo? Se não, como saber se o caso "presta"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para testar se o cabo está a conduzir todos os amperes que o transformador fornece o mais fácil é usar uma app. Eu uso esta: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.gombosdev.ampere. Assim permite comparar a taxa de carregamento do cabo original e do novo.

      Eliminar
  2. Exclente texto. respondeu minhas dúvidas. Minha dúvidas eram: "Carregador original (Moto G 1ª geração) é 500mA acabou quebrando, estou usando um também original de um outro modelo (Moto E 1ª geração) de 700mA, sendo que carrega super rápido, bem mais rápido que o anterior. Eu poderia usar um de 1.6A (ou, 1.500mA)? Vai esquentar o aparelho?".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pode! pois ele só vai utilizar a amperagem que necessita e nada mais acontecerá.

      Eliminar
  3. Meu telemovel nao carrega ligado a ficha da luz...so carrega com entrada usb.sera alguma funcao desligada..
    Ou tem algum problema.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se o cabo é o mesmo pode ser problema do transformador

      Eliminar
  4. muito esclarecedor me ajudou muito,obrigado!!!!

    ResponderEliminar
  5. Tenho aparelho de limpesa que usa uma fonte de 22 V e 1,25 amperes que queimou.
    Posso usar um uma fonte 22,5 V e 1,25 Amperes ?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim. A diferença é tão pouca que não vai fazer efeito pois existe uma margem de erro prevista quando o aparelho é requisitado à tal voltagem.

      Eliminar
  6. tenho uma pergunta, eu quero econtrar um universal charger, para nunca mais ter de comprar um telemovel novo só porque a entrada se partiu e eu não querer pagar a chulos para me arranjarem o telemovel. só que não encontro universal chargers para a europa, e os que encontro não são de 3.7V para a bateria do h9008+ , então o máximo que encontrei foi 3.8v, http://www.tinydeal.com/pt/pisen-universal-1a-usb-battey-charger-ii-fast-charge-p-148686.html á problema de 0.1v?

    ResponderEliminar
  7. Boa tarde,
    Comprei um celular da marca MEU, porém agora está aparecendo a seguinte mensagem: SEU CARREGADOR ESTÁ EM SOBRE VOLTAGEM, FAVOR DESCONECTAR O CARREGADOR. Porem não tem carregador conectado e nem mesmo está carregando. o que devo fazer?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu diria que isso parece um problema eléctrico que necessita de reparação...

      Eliminar
    2. Marca desconhecida não é muito confiável. Deve estar desregulado este aparelho com problemas de fabricação. Creio eu que a mensagem não vá surtar nenhum problema se você realmente não conectou algum carregador. Apenas utilize o original

      Eliminar
  8. Exxelente texto. Tinha estas dúvidas todas e fiquei logo esclarecido. Muito obrigado

    ResponderEliminar
  9. Perfeito. Nunca li algo tão esclarecedor so bre o assunto. Meus parabéns.

    ResponderEliminar
  10. Boa tarde, possuo um aparelho Samsung I9192 (S4 Mini Duos), estou precisando comprar um carregador novo (não tenho nem ideia onde esta o original), vi no mercado livre diversos vendedores que dizem q o carregador é original, como exemplo o anúncio http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-697656971-carregador-micro-usb-s4-s3-cabo-original-galaxy-samsung-_JM , há alguma maneira de identificar/verificar na chegada do cabo e fonte, se AMBOS, são originais? pois caso não sejam, tenho como reaver meu dinheiro. E se possível, me informe se esse seria realmente o modelo ideal para meu aparelho.

    ResponderEliminar
  11. Ola, preciso carregar uma bateria de 500mAh de 3,7 V com carregador 5V de 1A é possivel?

    ResponderEliminar
  12. Quero saber se o carregado do s4 pega no moto g 2 e no s duos

    ResponderEliminar
  13. Tenho um carregador que diz Input(AC): 100-240V e Output(DC):2x5V - 2A... O que significa isto?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. e a voltagem da tomada,Output(DC):2x5V e essa e a voltagem da saida do cabo,2A aperes maximos

      Eliminar
  14. Uma bateria de 3A dura mais que uma de 2A? Pode danificar o aparelho (Tablet) se usar uma de 3A?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se a voltagem for a correta (igual a original), nao faz mal algum usar uma bateria de mais amperes.
      Com 3A vai usufruir de um aumento da autonomia do tablet no entamto vai demorar mais tempo a carregar.

      Eliminar
  15. Ótima explicação e muito bem assimilada, fiz questão de comentar.
    Parabéns pelo trabalho.
    Muito bom! =D

    ResponderEliminar
  16. Tenho um tablet samsung tab 4, sei que o carregador original são 2A mas estou com dúvida se são 5V E SE EXISTE CARREGADOR PARA TABLET COM 10V E 2A.
    Obrigado.

    ResponderEliminar
  17. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  18. Então... tenho um carregador turbo charger que veio com o celular moto maxx e estou querendo usálo no Zenfone 2 Z551ML. Não sei as especificações do carregador boostmaster da Asus, mas no turbo charger da motorola é :

    Output
    Standard: 5V / 1.67A (8W)
    TurboPower 1: 9V / 1.67A (15W)
    TurboPower 2: 12V / 1.2A (15W)

    O Asus Zenfone 2 reconheceu o recarregamento rápido, mas queria saber se não estou correndo riscos de queimar o Zenfone, pois não sei como é selecionado turbo 1 ou turbo 2 no aparelho.

    No site da Asus, diz que o carregador deles "BOOSTMASTER", no Zenfone 2, ele passa energia com mais intensidade, alcançando uma potência de 18W (9V e 2A).

    Então resumindo não sei se o Turbo charger pode ou não danificar o Zenfone 2 Z551ML

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Danifica não, colega. pode carregar! Mesmo que o carregador turbo do MOto x não seja exatamente nas mesmas especificações. Isso porque seu celular tem um regulador interno, o verdadeiro carregador.

      Eliminar
  19. Tenho uma duvida... tenho um tablet com aquela conexao micro usb 3.0 .. composto de duas partes... a primeira é identica ao micro usb 2.0 e a restante faz parte exclusivamente da 3.0 com fios de superspeed e outro de power.... eu percebi q conectando um USB OTG pra micro usb 2.0 na porta do 3.0 equivalente eu consigo acessar um pendrive a usb 2.0.... mas.. se eu colocar o cabo micro usb 2.0 q carrego o meu celular... conseguirei carregar o tablet da mesma maneira?

    ResponderEliminar
  20. Oi me esclarece uma duvida. A voltagem e o amperes do carregador tem que ser exatamente a mesma da bateria?

    ResponderEliminar
  21. Cara posso utilizar um carregador de 9v no celular de 5v ?

    ResponderEliminar
  22. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

    ResponderEliminar
  23. Gente o quando mais rápido melhor, tenho um moto g 1 e sempre carreguei no carregador da samasung, só q deixei ele descarregar todo e agr n quer ligar, já pesquisei e sei oq tenho que fazer porém, eu tenho um carregador universal de notebook com entrada usb e a minina voltagem é 12, tem problema se eu carregar o celular ali ?

    ResponderEliminar
  24. Por favor, me esclarece uma dúvida...A Motorola informa que o carregador do Moto G4 é de 10W, só que vem um carregador com essas especificações:
    Entrada: 100-240V-50/60Hz 450mA
    Saída: 5,0V – 2,0A

    Está correto?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Watts= Tensao (Volts) * Corrente (Amperes)
      10W = 5V * 2.0A

      Portanto sim a Motorola inclui um carregador de 10 watts à saída (que é o que "entra" no telemovel)

      Eliminar
  25. Muito obrigado! Esclareceu muitas dúvidas! 👏👏👏

    ResponderEliminar
  26. Lí o texto que por sinal está de parabéns por suas colocações e de ótima didática!
    Fiquei com uma dúvida e desculpe minha dificuldade de entendimento rsrsrs
    Então se o carregador é 5v não posso carregar no carro que é 12v? é isso?!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pode pois se carregar no carro, ou irá utilizar um carregador de isqueiro que na verdade é um transformador de 12V para 5V assim como os carregadores comuns que usa em casa, de 240V para 5V. Se for usar um porta USB que o seu carro já tem, então não se preocupe pois uma porta USB funciona a ~5V.

      Eliminar
    2. Obrigado Carlos pelo rápido retorno e por sanar minha dúvida.

      Eliminar
  27. Desculpe-me, um pouco fora do assunto.
    uma dúvida, recondicionei um trafo de microondas, tirei todo enrolamento do secundário e no lugar deste enrolei um fio grosso que depois de retificado me fornece 3,2 volts, porém com amperagem em torno de 10 á 12 Amperes. Pergunta: posso recarregar normalmente uma bateria utilizada em no break de 12 volts por 7 Amperes, ou baterias de 6 volts.

    Obrigado e Abraços
    resposta para: edibertoslo@gmail.com

    ResponderEliminar
  28. Tenho um moto g2 que carrega a 5.1V posso carregalo a 5.7V ? Corre algum risco?

    ResponderEliminar
  29. o que fazer para saber se a minha bateria esta boa? tenho ligado a corrente e não recebo nenhuma informação de que o telefone esta ligado a corrente eletrica.

    ResponderEliminar
  30. comprei uma caixinha de som que requer um adaptador de 3,7V. posso usar o de 5V do celular? pois não encontro em nenhum lugar o de 3,7

    ResponderEliminar
  31. tenho um mi5 e ele nao carrega mais, ate reconhece no pc e no carregador mas nao carrega, alguma sugentao do que possa ter ocorrido

    ResponderEliminar
  32. Boa noite, tenho uma dúvida, posso carregar meu iPhone 4s com carregador de 10w? Sendo que o original dele é 5w, pois quando uso o de 10w o carregamento é mais rápido. Isso pode danificar a bateria? Obgd

    ResponderEliminar
  33. OLÁ, BOA NOITE!!
    TEM COMO ME INFORMAR UM CARREGADOR ORIGINAL DO MOTO G3°?

    ResponderEliminar
  34. Boa noite
    Os peritos na matéria afirmam não usar carregadores com tensão superior à do carregador original, mas reparem nisto.
    Tenho 2 telemóveis e 1 tablet, 2 dos carregadores são de 5 volts e outro de 5,3 volts curiosamente as 3 baterias são de 3,8 volts. Supostamente não deveria usar o carregador de 5v para carregar uma bateria de 3,8v mesmo sendo original fornecido na compra do aparelho. Em que ficamos? Muito grato pela vossa resposta e continuação do bom trabalho
    Armando Costa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Armando. Está correcto, não se deve usar carregadores com mais voltagem que os originais. Isto porque o telemóvel espera receber 5 volts e tem chips no interior que controlam o ciclo de carregamento. As baterias de lítio desses aparelhos têm uma voltagem que ronda os 3.7V em média, estando totalmente carregadas nos 4.2V. Ora, para carregar a bateria até aos 4.2V é preciso não menos de 4.2V. Um carregador de 3.7V apenas carregava até aos 3.7V, coisa que seria talvez equivalente a 50% da carga total. Porquê 5V? Porque dá uma margem de manobra, mesmo que haja flutuações de corrente, permite depois ao chip do telefone manter os 4.2V na parte final do carregamento.

      Eliminar
    2. Boa resposta, faz todo o sentido. Respeitar a voltagem do carregador original não olhando tanto ao valor da bateria, é um aspecto que não estava esclarecido para muitos. Cumprimentos.

      Eliminar
  35. Parabéns! Texto perfeito e esclarece dor. Muito obrigada. Cecilia

    ResponderEliminar
  36. Parabéns! Texto perfeito e esclarece dor. Muito obrigada. Cecilia

    ResponderEliminar
  37. Parabéns! Texto perfeito e esclarece dor. Muito obrigada. Cecilia

    ResponderEliminar